Morro do Moreno: Desde 1535
Site: Divulgando há 16 anos Cultura e História Capixaba

A Ilha de Vitória que Conheci e com que Convivi - Por Délio Grijó

De bonde com Grijó - ainda na Rua Jerônimo Mon...

De bonde com Grijó - ainda na Rua Jerônimo Mon...

Hotel Tabajara, de propriedade de dona Penhinha Medina. Na época era o melhor hotel da cidade, mas tinha um inconveniente, que era o movimento de cargas e descargas do porto

De bonde com Grijó - volto para a Rua Jerônimo Monteiro para citar a Baratex

De bonde com Grijó - volto para a Rua Jerônimo Monteiro para citar a Baratex

O prédio do Banco de Crédito Agrícola do Espírito Santo e na parte superior, os escritórios da Companhia Espírito Santo e Minas de Armazém Gerais 

De bonde com Grijó - Deixando o Sagres e adentrando a Rua Duque de Caxias

De bonde com Grijó - Deixando o Sagres e adentrando a Rua Duque de Caxias

O Bar Globo funcionou na Rua Duque de Caxias até o final da década de 60, comandado pelo querido de todos, o saudoso Francisco Velanni

De Bonde com Grijó - Parando no Hotel Sagres

De Bonde com Grijó - Parando no Hotel Sagres

O Hotel Sagres, seus donos eram o casal Francisco e Maria Cruz, tios do engenheiro e ex-prefeito da Capital, Chrisógono Teixeira da Cruz

De bonde com Grijó – Praça Costa Pereira

De bonde com Grijó – Praça Costa Pereira

O bonde, a partir de 1950, começou a circular a Praça Costa Pereira

De bonde com Grijó pela Av. Jerônimo Monteiro - Parte 1

De bonde com Grijó pela Av. Jerônimo Monteiro - Parte 1

Os nascidos depois de 1950, não conheceram. Trata-se do prédio antigo do Banco Hypotecário e Agrícola de Minas Gerais S.A.

De bonde com Grijó - Antes de seguir rumo à Jerônimo Monteiro

De bonde com Grijó - Antes de seguir rumo à Jerônimo Monteiro

Em frente à residência do Dr. Proença e ao lado dos Vianna, a Prefeitura Municipal de Vitória construiu um lindo prédio que acabou sendo demolido para dar lugar a uma praça de lazer, que levou o nome do grande professor Ubaldo Ramalhete

De bonde com Grijó - Saindo do Glória

De bonde com Grijó - Saindo do Glória

Saindo do Glória, atravessei a rua e vou à praça que teve como primeiro nome Largo da Conceição, isso lá pelos idos de 1822, depois passou a chamar-se Praça da Independência, ou Sete de Setembro, e atualmente Praça Costa Pereira

De bonde com Grijó - A esta altura, o bonde está parado no ponto, em frente ao Café Avenida

De bonde com Grijó - A esta altura, o bonde está parado no ponto, em frente ao Café Avenida

O Bar Glória, que primeiro foi do Sr. Teixeira, pai do Teixeirão, e depois passou para os senhores Maurício e Elias e tinha como garçons Agenor e Zé Cariacica

De bonde com Grijó – Seguindo pela Avenida Capixaba (atual Av. Jerônimo Monteiro)

De bonde com Grijó – Seguindo pela Avenida Capixaba (atual Av. Jerônimo Monteiro)

A Av. Capixaba tinha no seu meio a posteação levando perigo aos passageiros dos bondes que viajavam nos estribos

Pesquisa

Facebook