Morro do Moreno: Desde 1535
Site: Divulgando há 16 anos Cultura e História Capixaba

Os ianques do Rio Doce

Os ianques do Rio Doce

Só a minoria de estudiosos tem informações sobre os imigrantes norte americanos, que vieram desembarcaram no Espírito Santo em busca de terras

Os primeiros navegadores do Rio Doce

Os primeiros navegadores do Rio Doce

Na procura de riquezas, ouro e pedras preciosas, as inúmeras “estradas líquidas” de nossas bacias hidrográficas ocuparam um lugar de destaque, já que eram as únicas vias acesso

Assim é o Rio Doce - Por Nelson Abel de Almeida (1962)

Assim é o Rio Doce - Por Nelson Abel de Almeida (1962)

Perlustrando-se as páginas, quer dos autores antigos, quer dos modernos, sente-se que eles debatem em uma dúvida imensa, quando pretendem fixar as nascentes do Rio 

O Rio Doce - Por José Schiavo

O Rio Doce - Por José Schiavo

Não seria exagerado asseverar ser o RIO DOCE um dos principais rios do Brasil

Informação Sobre a Navegação Importantíssima do Rio Doce

Informação Sobre a Navegação Importantíssima do Rio Doce

Transcrito por seu valor histórico, da Revista do Instituto Histórico e Geográfico do Brasil, tomo I, 3ª edição, Rio de Janeiro, 1908, páginas 134 a 138

Apicum do Poço - A nascente do Rio da Costa

Apicum do Poço - A nascente do Rio da Costa

A nascente do Rio da Costa era na localidade de Apicum do Poço. O local perdeu a sua identidade quando absorveu o nome Itapoã, pela proximidade com esse bairro

O Rio Cricaré

O Rio Cricaré

Cortando serras e vales, chega ao território mateense onde descreve graciosas curvas, cujo traçado grafa generosamente o “S” e o “M”, iniciais de São Mateus, e deságua no Oceano Atlântico, em Conceição da Barra

O Rio Jucu e seus canoeiros

O Rio Jucu e seus canoeiros

Para se chegar à Ilha de Vitória, saindo de Vila Velha, a maneira mais rápida e eficiente, principalmente quando se transportava alguma carga, era ir de canoa pelo canal dos Jesuítas

Rios do ES

Rios do ES

No Estado, a poluição das águas é comum nas 12 bacias hidrográficas em que o Estado está dividido: Itaúnas, São Mateus, Rio Doce, Riacho, Reis Magos, Santa Maria da Vitória, Jucu, Guarapari, Benevente, Rio Novo, Itapemirim e Itabapoana