Morro do Moreno: Desde 1535
Site: Divulgando há 16 anos Cultura e História Capixaba

A origem da Praia da Costa

Foto: Edson Quintaes

Ao tomar posse da Capitania do Espírito Santo em 1535, Vasco Fernandes Coutinho reservou para si uma área que veio a ser conhecida como " Fazenda da Costa" . Construiu a sua sede no pequeno " Sítio do Ribeiro", onde edificou a Casa Grande. Nesse Sítio Histórico, viveu até seu último dia.

Ali também residiu seu filho, o segundo donatário e sua esposa, dona Luíza Grinalda, primeira governadora em terras do Brasil, e serviu de hospital para repouso do padre José de Anchieta.

Em 1589, faleceu na Fazenda da Costa Vasco Fernandes Coutinho Filho.

Damos um salto na história, e em outubro de 1929, a " Empresa Brazileira de Engenharia, Comércio e Finança" separou parte da Fazenda da Costa e contratou o Doutor Joel da Escócia para loteá-la. Mais tarde, no governo revolucionário, o Interventor do Estado, Doutor João Punaro Bley, desapropriou todo o loteamento para nele ser edificado o Preventório Gustavo Capanema e residência oficial do Governador.

No governo de Aristeu Borges de Aguiar (1930), foi construída a ponte sobre o Rio da Costa, próximo de onde hoje é a loja do Mac Donald´s.

Com a construção da ponte e do preventório, a Praia da Costa passou a ser frequentada por autoridades e pelo povo. Com a frequência dessas visitas e dos banhistas, foi inaugurado o Bar Sereia e o Posto 1 (primeiro posto de salva-vidas do Estado).

Entusiasmado com o sucesso de vendas dos loteamentos anteriores, Itapoã e Garanhus, de propriedade de Carvalho & Cia e Aloísio Freitas, o senhor João Joaquim da Mota resolveu lotear a sua gleba litorânea.

Assim, na Praia da Costa surgiram as primeiras residências, tais como as dos senhores Gastão Roubach, Francisco Rocha e Dr. Dório Silva.

 

Autores: Jair Santos e Edward D´Alcantara. (Transcrito do Jornal da Praia da Costa)

 

LINKS RELACIONADOS:

>> Loteamento da Praia da Costa
>>
 
Mais Praia da Costa 
>>
 
Praia da Costa ontem e hoje
>>
 
Em busca do mar 
>>
 Os "points" da Praia da Costa  
>>
 
Vila Velha
>> 
Terceira Ponte



GALERIA:

📷
📷


Especiais

Lembrando do Mestre - Por Kleber Galvêas

Lembrando do Mestre - Por Kleber Galvêas

Homero Massena fez sua última exposição em 1968. Não havia nenhuma galeria no ES, ela aconteceu na entrada do Carlos Gomes

Pesquisa

Facebook

Leia Mais

Ano de 1770 - Por Basílio Daemon

EM 1770 é descoberta por Tristão da Cunha a ilha da Ascensão ou da Trindade

Ver Artigo
Lembrando do Mestre - Por Kleber Galvêas

Homero Massena fez sua última exposição em 1968. Não havia nenhuma galeria no ES, ela aconteceu na entrada do Carlos Gomes

Ver Artigo
Crítica aos Donatários

Tomé de Sousa visitou o Espírito Santo e não gostou do que viu. Vasco Fernandes Coutinho estava fora. Em carta ao soberano português, queixa-se da ausência de donatários e da má administração das capitanias

Ver Artigo
Massena, o escritor

Massena teve larga experiência como jornalista, chegou a participar da revolução paulista de 32 e tornou-se amigo do homem que matou seu autor predileto: Dilermando de Assis.

Ver Artigo
Arte que não se perde

O artista plástico Celso Adolfo consegue “salvar” obra do mosaísta Raphael Samú. O mosaico seria demolido

Ver Artigo