Morro do Moreno: Desde 1535
Site: Divulgando há 16 anos Cultura e História Capixaba

Homem... Mulher...

O homem é a mais elevada das criaturas;
A mulher, o mais sublime dos ideais.
Deus fez para o homem o trono;
Para a mulher um altar.
O trono exalta;
O altar santifica.

O homem é o cérebro;
A mulher, o coração.
O cérebro produz a luz;
O coração, o amor.
A luz fecunda;
O amor ressuscita.

O homem é um gênio;
A mulher, um anjo.
O gênio é imensurável;
O anjo, indefinível.

A aspiração do homem é a suprema glória;
A aspiração da mulher, a virtude extrema.
A glória traduz grandeza;
A virtude traduz divindade.

O homem tem a supremacia;
A mulher, a preferência.
A supremacia representa a força;
A preferência representa o direito.

O homem é forte pela razão;
A mulher, invencível pela lágrima.
A razão convence;
A lágrima comove.

O homem é capaz de todos 
os heroísmos;
A mulher de todos os 
sacrifícios.
O heroísmo enobrece;
O sacrifício sublima.

O homem é o código;
A mulher um sacrário.
Diante do templo, nos 
descobrimos;
Diante do sacrário, nos 
ajoelhamos.

O homem pensa;
A mulher sonha.
Pensar é ter cérebro;
Sonhar é ter na fronte 
uma auréola.

Matérias Especiais

Os Tropeiros - Por Ormando Moraes

Os Tropeiros - Por Ormando Moraes

A chegada dos tropeiros aos pontos de parada, era uma festa para os moradores das imediações

Pesquisa

Facebook

Leia Mais

Anos de 1570, e 1572 e 1573 - Por Basílio Daemon

Alguns anos depois, as expedições de Tourinho e Adorno tiveram êxito mais compensativo   

Ver Artigo
Jerônimo Monteiro - Capítulo XVI

Fazia-se o desembarque de passageiros, em escaleres e lanchas pequenas que atracavam às escadas dos navios

Ver Artigo
Jerônimo Monteiro - Capítulo II

Na foto ilustrativa, o casal Francisco de Sousa Monteiro e Henriqueta Rios de Sousa, pais de Jerônimo Monteiro (fim do séc. XIX). APEES — Coleção Maria Stella de Novaes

Ver Artigo
Saudações - Fernando Antonio de Oliveira

Carta endereçada ao escritor Walter de Aguiar Filho, autor do livro "Krikati, Tio Clê e o Morro do Moreno", pelas lembranças que nos traz sobre Vila Velha de outrora e pelo alerta sobre a identidade e cultura do canela-verde. Confira!

Ver Artigo
Estudos sobre a descoberta da Província - Parte VIII (FINAL)

Cristóvão Jaques foi o único que fez reconhecimentos e assentou padrões, conforme estão de acordo todos os cronistas e historiadores, estando por isso provado ser ele o primeiro que reconheceu a costa da província do ES

Ver Artigo