Morro do Moreno: Desde 1535
Site: Divulgando há 16 anos Cultura e História Capixaba

Navegando no passado

Vitória e Vila Velha num passado recente

Recebemos algumas fotografias enviadas por Danilo Bonnemasou mostrando Vitória antiga e, dentre as fotos, uma em especial nos chamou a atenção, pois retrata a baía de Vitória, que já citamos várias vezes aqui no site por sua importância na nossa história. É a primeira foto desta matéria, à esquerda.

A foto nos remete ao tempo em que Vitória e Vila Velha eram só mata, morro e alguns índios. Ficamos imaginando o que pensavam nossos descobridores, os portugueses. Ainda que fossem muito viajados, acostumados à receber novidades, devem ter se maravilhado com as belezas e recortes de nosso litoral.

Podemos imaginar a visão do homem daquela época lendo o trecho do registro sobre o Brasil de então, século XVI, do cronista português Gabriel Soares de Souza, que descreveu nosso litoral. Viaje com ele e veja como eram alguns locais da Grande Vitória, alguns erros do cronista (ele achava que a baía de Vitória era um rio), e como esses locais estão hoje, clicando ao final desta matéria, nas fotos ao lado.

..."Do rio das Barreiras à ponta do Tubarão são quatro léguas, sobre o qual está a serra do Mestre Álvaro; da ponta do Tubarão à ponta do morro de João Moreno (N.R.: nosso Morro do Moreno) são duas léguas, onde está a vila de Nossa Senhora da Vitoria (N.R.: Vitória); entre uma ponta e outra está o rio do Espírito Santo (N.R.: baía de Vitória), o qual tem defronte da barra meia légua ao mar uma lage (N.R.: formação rochosa, pedra), de que se hão de guardar. Em direito desta ponta da banda do Norte, duas léguas pela terra adentro, está a serra de Mestre Álvaro, que é grande e redonda, a qual está afastada das outras serras; esta serra aparece, a quem vem do mar em fora muito longe, que é por onde se conhece a barra; essa barra faz uma enseada grande, a qual tem umas ilhas dentro, e entra-se Nordeste-Sudoeste. A primeira ilha, que está nesta barra, se chama de D. Jorge (N.R.: Ilha do Boi), e mais para dentro está outra, que se diz de Valentim Nunes (N.R.: Ilha do Frade). Desta ilha para a Vila Velha estão quatro penedos grandes descobertos (N.R.:imaginamos ser o Morro da Jaburuna, o próprio Penedo, Morro do Péla-Macaco e Morro do Pão de Açúcar - São Torquato); e mais para cima está a ilha de Ana Vaz (N.R.: Mulher de Vasco Coutinho no Brasil); mais avante está o ilhéu da Viúva; e no cabo desta baía fica a ilha de Duarte de Lemos (N.R.: Santo Antônio), onde está assentada a vila do Espírito Santo."

 

 

Autora: Mônica Boiteux, Julho/2004
Fonte: Caderno especial de A Gazeta: A SAGA DO ESPÍRITO SANTO, 2004

Aventura

Vôo dos Sonhos

Vôo dos Sonhos

Voar livre pelos céus como os pássaros. Esse é um sonho que os homens acalentam desde a Antiguidade...

Pesquisa

Facebook

Leia Mais

Morro do Moreno

O Morro do Moreno, localizado em Vila Velha – ES, Brasil, debruçado sobre o Oceano Atlântico, é hoje um local perfeito para saltos de parapente, asa-delta e para a prática de escalada

Ver Artigo
O Caboclo Bernardo (Parte I) - Por Rubem Braga (1949)

Parece que não tinha nenhum sangue europeu; era apenas um índio, com seu nome cristão de Bernardo José dos Santos

Ver Artigo
O Caboclo Bernardo (Parte II) - Por Rubem Braga (1949)

Aos 55 anos de idade foi assassinado a tiros de garrucha por um outro caboclo chamado Lionel, que estava cheio de cachaça

Ver Artigo
Em busca do ouro (Morro da Concha - Barra do Jucu, ES)

Charles Baffet. "Viveu como um tatu”, inventando mil estratégias para achar o butim -, para ele, até hoje escondido em torno do Morro da Concha, na Barra do Jucu

Ver Artigo
Na rota dos tesouros

Navios afundados e riquezas soterradas despertam interesse de aventureiros no ES

Ver Artigo