Morro do Moreno: Desde 1535
Site: Divulgando há 16 anos Cultura e História Capixaba

Nova Itaparica

Praia de Itaparica - Foto: Francisco Erisberto

Na década de 70, Nova Itaparica, em Vila Velha, fazia parte de uma grande fazenda, conhecida como Baixada Guaranhus. Foram os donos da terra que fizeram os primeiros loteamentos do bairro. A imobiliária Nova Itaparica ficou responsável pela venda dos lotes e também inspirou o nome do bairro.

No final da década de 80, os primeiros moradores começaram a chegar. Uma trilha dava acesso ao local. Os primeiros moradores fizeram uma trilha, porque não dava para passar entre o brejo. Por causa da grande formação de água na região, essa trilha logo desapareceu e os moradores tiveram que aterrar as ruas para poderem terminar de construir suas casas. Podia-se pegar peixe na rua, além de sapos e rãs.

De acordo com relatos de moradores, a região começou a mudar com a pavimentação das principais ruas do bairro, a Sérgio Cardoso, que foi asfaltada em meados da década de 90, e a do Canal, calçada em 2000. A partir daí, o comércio começou a se estabelecer no bairro e a prefeitura atendeu a uma antiga solicitação: o calçamento das 17 ruas que compõem Nova Itaparica, com previsão de inauguração para agosto de 2007.

Em 2000, o bairro foi registrado pela Prefeitura de Vila Velha e hoje, possui 1.160 residências e 5 mil moradores. O bairro está situado a 700 metros da Praia de Itaparica e faz divisa com Guaranhus, Ilha dos Bentos, Novo México e Parque das Gaivotas.

 

Fonte: Jornal A Tribuna - 18/07/2007
Compilação: Walter de Aguiar Filho, julho/2008

Bairros e Ruas

Logradouros antigos de Vitória – Por Serafim Derenzi

Logradouros antigos de Vitória – Por Serafim Derenzi

LARGO DA MATRIZ — hoje Catedral, com a elevação do Estado a Bispado. Praça fronteira ao templo, onde se situava pequeno cemitério

Pesquisa

Facebook

Leia Mais

Rua do Rosário – Por Elmo Elton

Recebeu este nome por estar localizada ao pé do morro onde, no século XVIII, foi construída a igreja de Nossa Senhora do Rosário dos Homens Pretos

Ver Artigo
Praça do Imperador (ex-praça das Colunas) – Por Elmo Elton

Em 1860 toda a cidade de Vitória se engalanou para receber a visita de Sua Majestade o Imperador Pedro II

Ver Artigo
Parque Moscoso (ex-Campinho) - Por Elmo Elton

O aterro do Campinho, local primitivamente chamado Lapa do Mangal, área pantanosa, foi ativado, a partir de 3 de setembro de 1888, quando presidente da província o Dr. Henrique Ataíde Lobo Moscoso

Ver Artigo
De bonde com Grijó - Coisas dos tempos de vida pacata

Grandes circos passaram por nossa cidade, dentre eles o Olimecha, Stewanovisk, Irmãos Temperani, Piolim, Garcia, Liendo, Thiany, Grand Circo Americano e outros de menor porte

Ver Artigo
De bonde com Grijó - Santo Antônio

Passo pela Volta do Rabayole, nome atribuído a este local devido a uma família que era praticamente dona do lugar, além de ser uma família tradicional da ilha

Ver Artigo