Morro do Moreno: Desde 1535
Site: Divulgando há 16 anos Cultura e História Capixaba

O Bar Globo do Zé Gordinho

Zé Gordinho foi assim, desses tipos que aparecem numa cidade chamando logo a atenção. Baixote, gorducho, tipo moreno, cabelos alisados, sempre fumando um charuto (assim como o Eurico Rezende), também sempre de branco da cabeça aos pés, usando sempre um cinto de pele de cobra, uma gravata de pele de cobra, e também sapatos de pele de cobra e os dedos cheios de anéis. Ele tinha sido mandado à Vitória pelo seu irmão Ferreira Neto e seu sócio Benício Ferreira Filho (este na época diretor do Fluminense F. Club e depois do Conselho Deliberativo do mesmo), para gerenciar a PRO-LAR, firma de Capitalização com escritório na Praça Costa Pereira, antiga Independência.

O Bar Globo estava à venda e seu proprietário, o Heitor que tinha sido garçom no Restaurante do Barão, famoso na época, ao lado do também famosíssimo Bar do Lázaro, português, bar esse que ficava na esquina da Duque de Caxias, em frente da tradicional Barbearia do Totinho, na mesma rua, foi quem vendeu ao Zé Gordinho. Pois foi nesse Bar Globo que se passaram grandes noitadas de Vitória.

 

Autor: Hélio de Oliveira Santos
Livro: Estórias de Boêmios e Outras Estórias, Vitória, 1978
Compilação: Walter de Aguiar Filho, outubro de 2010 


 

LINKS RELACIONADOS:

>> Fast Bar  
>>
 O Bar Hamburgo 
>>
 Britz
>>
 Boate Papagaio 
>>
 E por falar em saudade...

Matérias Especiais

Semana do Folclore

Semana do Folclore

De 22 a 27 de agosto comemora-se a semana do folclore, e o site Morro do Moreno, que resgata tantas histórias de Vila Velha e do Espírito Santo, não poderia deixar a data passar em branco...

Pesquisa

Facebook

Leia Mais

Dia Internacional da Mulher

Queremos registrar aqui o nosso agradecimento a todas as mulheres que contribuem com este site, seja enviando fotos especiais e antigas, textos, ou sugerindo matérias através do nosso Fale Conosco

Ver Artigo
O Bar Globo do Zé Gordinho

Zé Gordinho foi assim, desses tipos que aparecem numa cidade chamando logo a atenção. Baixote, gorducho, tipo moreno, cabelos alisados, sempre fumando um charuto, assim como o Eurico Rezende

Ver Artigo
Origem do Carnaval no Brasil

Fomos influenciados inicialmente pelos portugueses da Ilha da Madeira, Açores e Cabo Verde, que trouxeram a brincadeira de loucas correrias. No Brasil, com a criação dos Trios Elétricos pelos baianos, uma nova caracteristica de carnaval se disseminou

Ver Artigo
Estórias de Boêmios

Este livro não tem pretensões literárias. São simples relatos de casos vividos por boêmios d’aqui e d’algures. De forma, que aviso logo, de antemão ao Dr. Austregésilo de Athaíde, presidente da Academia Brasileira de Letras, que não me convide para concorrer a uma cadeira na referida Academia, pois recusarei energicamente. Por dois motivos:...

Ver Artigo
A Tragédia do Engano - Por: João Bonino Moreira

Triste noite para o Espírito Santo a de sábado, dia 23 de dezembro de 1950

Ver Artigo