Morro do Moreno: Desde 1535
Site: Divulgando há 16 anos Cultura e História Capixaba

O Bar Hamburgo

Praça Oito e Alfândega, 1950 - Acervo: José Tatagiba

Depois que o Bar Globo da Praça Oito fechou, o Bar Hamburgo, na rua Duque de Caxias ficou sendo o bar frequentado pelos boêmios e rapazes da época. Este bar, cujo dono chamava-se Fritz, servia o melhor chopp e melhor salada fria, de batatas, tipo alemã, que Vitória já viu.

Com a declaração de guerra do Brasil à Alemanha em 1942 o povo quebrou todo o bar, tendo "Seu" Fritz ido para o Rio Grande do Sul. Foi uma pena. Eram frequentadores diários do Hamburgo, Plinio Bruzi, Arnaldinho Magalhães Filho, meu irmão Jorge, Homero Vivacqua, um engenheiro de nome Scheleme, e outros rapazes e senhores que iam lá tomar o verdadeiro chopp e comer a famosa salada fria alemã preparada pela mulher do Fritz.

Como fechamento do Hamburgo, abriu-se no mesmo lugar o famoso Bar Globo, com seu velho globo de vidro pendurado na entrada

 

Autor: Hélio de Oliveira Santos
Livro: Estórias de Boêmios e Outras Estórias, Vitória, 1978
Compilação: Walter de Aguiar Fulho, maio/2012 


 

LINKS RELACIONADOS:

>> Fast Bar  
>>
 Britz
>>
 Boate Papagaio   
>>
 E por falar em saudade...



GALERIA:

📷
📷


Matérias Especiais

Paisagens da Ilha do Mel - Por Maria Isabel Perini Muniz

Paisagens da Ilha do Mel - Por Maria Isabel Perini Muniz

A paisagem vista e interpretada através da arte nos mostra aspectos que se escondem do nosso olhar descuidado e muitas vezes indiferente

Pesquisa

Facebook

Leia Mais

Deputados capixabas nas duas constituintes imperiais

Em 1823, tomou assento na Assembléia Constituinte brasileira, como representante capixaba, o Dr. Manuel Pinto Ribeiro Pereira de Sampaio, membro do Supremo Tribunal de Justiça, era nascido em Vitória

Ver Artigo
Zé Pretinho

Fica ali, exatamente na esquina da Aleixo Neto com a José Teixeira. Do lado de Santa Lúcia. Não tem placa que o identifique. Mas há quarenta anos toda a redondeza cohece o Zé Pretinho

Ver Artigo
E por falar em saudade

Tenho saudades do torrone, da Garoto, um tablete de docinho recoberto de chocolate e com recheio pastoso de castanha, amêndoa ou amendoim, já não me lembro mais. Só sei que era uma delícia e que guardava todas as minhas pequenas economias para comer um a casa quinze dias. Era a época do leite-mel, da pastilha forte, da groselha, do sorvete de coco verde do Michel, guloseimas,...

Ver Artigo
Origem do Carnaval no Brasil

Fomos influenciados inicialmente pelos portugueses da Ilha da Madeira, Açores e Cabo Verde, que trouxeram a brincadeira de loucas correrias. No Brasil, com a criação dos Trios Elétricos pelos baianos, uma nova caracteristica de carnaval se disseminou

Ver Artigo
A âncora da Prainha

A âncora da Praça Tamandaré que fica localizada em frente ao Fórum e a Casa da Memória na Prainha, em Vila Velha, foi presenteada pela Marinha ao município de Vila Velha

Ver Artigo