Morro do Moreno: Desde 1535
Site: Divulgando há 16 anos Cultura e História Capixaba

Quartel da Polícia Militar do Espírito Santo – Governo Punaro Bley

O Quartel da Polícia Militar, instalado na capital do Espírito Santo, é de aspecto imponente, próprio à sua finalidade, sóbrio, marcial. Está situado, porém, no centro de Vitória, em trecho populoso, especialmente de moradias, vizinho ao Parque mais importante e belo da cidade, e sem praça para sua expansão de caráter técnico, exigindo, já agora, novas instalações em região adequada, motivo porque, compreendendo essa necessidade, o Governo do Estado, por seu respectivo departamento, realizou o novo Quartel da Força Pública, em Maruípe, subúrbio da capital.

Nesta página apresentamos o antigo quartel e o “croquis” dos pavilhões do povo, ora em acabamento; responde as exigências modernas e é calçado na orientação técnica de estabelecimentos congêneres dos mais importantes do Brasil.

 

Fonte: Revista Annuário do Espírito Santo, 1937
Compilação: Walter de Aguiar Filho, dezembro/2017

História do ES

A Troca de Partido – Por Eurico Rezende

A Troca de Partido – Por Eurico Rezende

Desenvolverei algumas considerações, dirigidas, principalmente, ao eleitor, via de regra desconhecedor da legislação específica

Pesquisa

Facebook

Leia Mais

Quarto Minguante – Marcondes de Souza e Bernardino Monteiro

O período de 1912 ao começo de 1920 corresponde ao princípio e ao fim da crise internacional, oriunda da primeira guerra, que rebentou em julho de 1914 e teve armistício em novembro de 1918

Ver Artigo
Jerônimo Monteiro – Urbanismo em Perspectiva

O volume de terra, material escasso na ilha de Vitória; para aterrar o banhado, não preocupou o governo de Jerônimo Monteiro 

Ver Artigo
As guerras imperiais e seus reflexos no Espírito Santo – Por João Eurípedes Franklin Leal

O Ururau era em brigue de transporte, armado com seis bocas de fogo, que próximo a barra da baía de Vitória combateu por hora e meia um barco argentino o “Vencedor de Ituzaingu”

Ver Artigo
O recrutamento do Ururau - 1827

Gravíssimo incidente abalou o Espírito Santo quando da passagem, pelo porto de Vitória, do brigue de guerra Ururau, em 1827

Ver Artigo
Finda o Governo do Primeiro Donatário - Por Mário Freire

Confiou o governo a Belchior de Azevedo, como Capitão, com os poderes e a jurisdição que o donatário exercera: firmou esse ato na "vila de N. S. da Vitória"

Ver Artigo