Morro do Moreno: Desde 1535
Site: Divulgando há 16 anos Cultura e História Capixaba

Reserva de Comboios vai ser cercada pelo IEF

Pôr do sol visto da foz do Rio Doce, ao fundo o Farol de Regência (novo) 2018

"Autorizei ao IEF a contratação de uma firma para cercar o que resta da reserva biológica estadual de Comboios", disse ontem o secretário de Estado das Agricultura, Paulo Lemos Barbosa, depois de anunciar sua viagem a Brasília nesta quarta-feira, para a assinatura de um convênio de Cr$ 4,5 milhões com o Ministério da Agricultura, destinado à fiscalização de nossas reservas.

Paulo Lemos se declarou favorável à abertura das reservas florestais ao público, "desde que o povo tire o melhor proveito com pesquisas e similares, respeitando a integridade da fauna e da flora".

De posse de um completo levantamento fotográfico do Estado, Paulo Lemos pediu tempo para estudar a carência de áreas verdes no Espírito Santo. Vamos a Brasília buscar recursos financeiros para fazer cumprir o nosso Código Florestal, e, em seguida, partir para a contratação de pessoas habilitadas para fiscalizar nossas reservas".

O secretário da Agricultura forneceu somente a extensão das reservas biológicas de Pedra Azul, Comboios, Mestre Álvaro, já que resta concluir o levantamento das reservas de Duas Bocas e Forno Grande.

A reserva estadual de Comboios, em Aracruz, a mais devastada, tem área de 11.812,57 hectares, sendo 3.724,16 de florestas naturais e 1.481,20 de capoeiras. Assim, Comboios, aproximadamente 6.600 hectares em devastação.

Pedra Azul, por sua vez, segundo os dados divulgados ontem pelo secretário da Agricultura, tem 1.100,76 hectares de área total, sendo 281,86 de florestas naturais e 220,92 de capoeiras. Pedra Azul representa um índice de devastação em torno de 50 por cento.

Finalmente, a reserva estadual do Mestre Álvaro, nos arredores da Grande Vitória, de acordo com o levantamento do Departamento Fotogramétrico da Secretaria de Agricultura, dispõe de uma área total de 2.216,73 hectares, sendo 948,39 de florestas naturais e 119,98 hectares de capoeiras. Isto representa também um alto índice de depredação, em mais de 50 por cento.

 

Fonte: A Tribuna, Vitória – ES, 14/02/1978
Arquivo: Instituto Jones dos Santos Neves
Compilação: Walter de Aguiar Filho, julho/2018

Ecologia

Não jogue lixo no mar!

Não jogue lixo no mar!

O desequilíbrio ambiental traz cada vez maiores ameaças ao planeta, que vão desde a destruição de ecossistemas até desastres monumentais, como os que têm ocorrido no planeta. Cada material indevido que é jogado no mar pode demorar milhões de anos para se decompor. Fique atento.

Pesquisa

Facebook

Leia Mais

Cientista Augusto Ruschi

Uma vez passou um carnaval inteiro atrás de uma formiga. Havia uma formiga preta que a gente encontra na mata sempre sozinha. Mas ele achava que essa formiga não mora sozinha e sim com outras companheiras

Ver Artigo
Paisagens de Passagens - Por Rubens Câmara Gomes

A Praia de Camburi sem nenhuma construção também era muito melhor, embora eu tivesse freqüentado pouco quanto ela ainda era virgem. Lembro que o acesso era pela Ponte da Passagem

Ver Artigo
Marinha desmonta o farol de Regência - 1998

Foi iniciado ontem, em Regência, o processo de desmontagem do farol que foi instalado no local em 1888

Ver Artigo
Turismo no Campo - Por Cacau Monjardim em 1975

Nestas propriedades seriam mantidas as tradições que poderiam vir a ser incluídas  na programação e formação de uma rede estadual de turismo rural ou melhor, de turismo-natureza

Ver Artigo
Medidas para ajudar a salvar o Rio Doce

Especialistas sugeriram em encontro o reflorestamento das margens e recuperação de nascentes para preservar o rio

Ver Artigo