Morro do Moreno: Desde 1535
Site: Divulgando há 16 anos Cultura e História Capixaba

Vasco Coutinho veio na certa!

Farol e a Praia de Santa Luzia, local de desembarque da expedição de Gaspar Lemos e Américo Vespúcio

Quando Vasco Fernandes Coutinho, o primeiro donatário do ES, recebeu a doação do Rei D. João III em 1534, o local para onde viria já era conhecido. Em 10 de maio de 1501, partiu de Lisboa a expedição comandada por Gaspar de Lemos, trazendo a bordo o navegador florentino Américo Vespúcio. Essa expedição foi a primeira a tocar o solo do Espírito Santo. Ao entrar na baía de Vitória, tiveram a sensação que era a foz de um rio de grande expressão. Isso ocorreu em 13 de dezembro de 1501. O rio foi denominado de rio Santa Luzia, por ser a data comemorativa dessa santa católica.

A comprovação do fato se dá no mais antigo mapa do brasil, o chamado Planisfério de Cantino, feito em 1502 e baseado nas descobertas da expedição de 1501, onde aparece o rio Santa Luzia.

Na foto ao lado, a pequenina praia à esquerda, localizada na propriedade da família Helal, ainda hoje é chamada de Santa Luzia. A outra praia da foto, à direita, é a Praia do Ribeiro (local dos barcos de pesca). Nessa praia existe a Igreja de Santa Luzia que está em construção pela comunidade local. Há também do outro lado numa parte voltada para o mar, o Farol de Santa Luzia. Outro fato interessante de nossa cultura é quando se pergunta para os moradores da região onde moram, eles respondem: - moro no Farol de Santa Luzia.

O dia de Santa Luzia, protetora dos olhos, é 13 de dezembro. Nessa data comemoram-se também o Dia do Ótico, Dia do Deficiente Visual, Dia do Marinheiro, Dia do Pedreiro e o Dia do Lapidador.

 

Autor: Walter de Aguiar Filho
Julho/ 2004

 

Nota do Site de mar/2011

Para quem quiser se aprufundar no assunto, no Prefácio do relançamento do Livro Província do Espírito Santo de Basílio Daemon (2010), o historiador Estilaque Ferreira dos Santos dá uma aula sobre o tema. 



GALERIA:

📷
📷


Especiais

Comunicações e Transportes - Os dias antigos

Comunicações e Transportes - Os dias antigos

O zeppelin teve uma forte fixação no imaginário popular, servindo sua foto sobre o Convento da Penha de capa à revista Chanaan de abril de 1936

Pesquisa

Facebook

Leia Mais

República não trouxe a estabilidade desejada

No ano da Proclamação da República o Espírito Santo estava dividido em 14 Municípios, 4 cidades e 10 Vilas

Ver Artigo
Aspectos do Direito Brasileiro na República - Parte II

Estas coisas envelheceram os códigos e vão fomentando um direito novo, ainda inconsistente, com as obrigações correlatas, e que se vai afirmando através da aluvião de leis dos últimos tempos

Ver Artigo
Aspectos do Direito Brasileiro na República - Parte I

Estas últimas constituições, todavia, a de 1934 e de 1937, de aparência menos democrática, consultam ambas, mais de perto, as aspirações populares e caminharam numa estrada mais ampla, até a socialização

Ver Artigo
Oferecido pelo sócio Basílio Daemon Carvalho,1800

Termo de batismo de Rodrigo, filho legítimo do governador da capitania do Espírito Santo, Antônio Pires da Silva Pontes Leme

Ver Artigo
A volta do presidencialismo

A relativa calmaria política trazida com o parlamentarismo logo cedeu lugar ao clima de golpe

Ver Artigo