Morro do Moreno: Desde 1535
Site: Divulgando há 16 anos Cultura e História Capixaba

Os Alfarrábios de Miguel de Aguiar

Capa do Livro - Krikati Tio Clê e o Morro do Moreno que retrata a história do Posto Semafórico do Morro do Moreno de autoria de Walter de Aguiar Filho

No Morro do Moreno funcionou o primeiro Posto Semafórico do Espírito Santo e um dos mais antigos do Brasil, da época de João Moreno. Este, conta a história, veio na expedição de Vasco Fernandes Coutinho em 1535. Do topo do Morro ele fazia a vigilância, transmitindo sinais para a Vila Nova de Vitória, para que a capitania não fosse surpreendida pelo ataque de um navio corsário.

Quase quatro séculos depois, ainda em pleno século XX, o Morro do Moreno funcionava como Posto Semafórico da entrada da Baía de Vitória.

Nessa época, podemos dizer há pouco tempo atrás, a população do estado do Espírito Santo era de 200.000 habitantes. Não existia telefone, telégrafo, bondes, poucos vapores (navios). Não havia luz elétrica nem mesmo lampião de querosene. Era da vela de sebo que o povo dependia para iluminação. Não necessitava-se de muita luz, pois era costume da maioria ir para a cama depois do pôr do sol. Não havia fonógrafos nem rádio, portanto, a comunicação do Posto Semafórico localizado no Morro do Moreno era toda feita através de bandeiras alfabéticas e por bandeiras semáforas, empregadas no Código de Sinais.

 

Autor: Walter de Aguiar Filho, 2011

Matérias Especiais

Frutas Exóticas

Frutas Exóticas

Quem aprecia sabores exóticos pode aguçar o paladar. Diversas frutas de nomes diferentes já frequentam as prateleiras e gôndolas dos supermercados e hortifrutis capixabas. Confira algumas!

Pesquisa

Facebook

Leia Mais

Jerônimo Monteiro - Capítulo XVI

Fazia-se o desembarque de passageiros, em escaleres e lanchas pequenas que atracavam às escadas dos navios

Ver Artigo
Jerônimo Monteiro - Capítulo II

Na foto ilustrativa, o casal Francisco de Sousa Monteiro e Henriqueta Rios de Sousa, pais de Jerônimo Monteiro (fim do séc. XIX). APEES — Coleção Maria Stella de Novaes

Ver Artigo
Saudações - Fernando Antonio de Oliveira

Carta endereçada ao escritor Walter de Aguiar Filho, autor do livro "Krikati, Tio Clê e o Morro do Moreno", pelas lembranças que nos traz sobre Vila Velha de outrora e pelo alerta sobre a identidade e cultura do canela-verde. Confira!

Ver Artigo
Estudos sobre a descoberta da Província - Parte VIII (FINAL)

Cristóvão Jaques foi o único que fez reconhecimentos e assentou padrões, conforme estão de acordo todos os cronistas e historiadores, estando por isso provado ser ele o primeiro que reconheceu a costa da província do ES

Ver Artigo
Estudos sobre a descoberta da Província - Parte VII

Com a chegada e desembarque, na província do Espírito Santo, do donatário Vasco Fernandes Coutinho, a 23 de maio de 1535, temos finalizado a notícia dos navegantes que tocaram ou não nas costas desta província

Ver Artigo