Morro do Moreno: Desde 1535
Site: Divulgando há 16 anos Cultura e História Capixaba

Jucutuquara - Por Adelpho Monjardim

Jucutuquara - Por Adelpho Monjardim

É ainda em Jucutuquara que se pode admirar o Estádio Governador Bley, dos melhores e mais modernos do país

Os Bairros de Vitória - Por Adelpho Monjardim (1949)

Os Bairros de Vitória - Por Adelpho Monjardim (1949)

Dos edifícios importantes que a circundam, notam-se os da Alfândega e do Banco de Crédito Agrícola do Espírito Santo S/A. A face para o mar defronta-se com o Cais do Porto, seus guindastes e os grandes navios atracados

Rua General Osório (ex-rua Porto dos Padres)

Rua General Osório (ex-rua Porto dos Padres)

Tinha começo exatamente onde começava o Porto dos Padres, daí sua primitiva denominação. Passou a chamar-se General Osório em 1872, isto é, dois anos após o término da Guerra do Paraguai, da qual participou, valentemente, aquele soldado

ÁGUA-COM-AÇÚCAR E ÁGUA SALGADA

ÁGUA-COM-AÇÚCAR E ÁGUA SALGADA

A paisagem não mais existe; só me resta a reminiscência: o nome da rua é General Osório, se bem me lembro

A Avenida República

A Avenida República

A Avenida República (16) começava na antiga Rua do Comércio e ia até a Avenida Cleto Nunes (13). Esse trecho era predominantemente comercial (ver mapa explicativo)

Maxambomba

Maxambomba

Maxambomba era um bairro muito pobre de Vila Velha, com rústicas casinhas cobertas de palha

Vila Rubim

Vila Rubim

A Cidade de palha, sítio do Dr. Leopoldo Cunha, era composta de casas de sapé. Talvez a primeira favela de Vitória

Ilha dos Bentos

Ilha dos Bentos

 No local ainda existe um córrego parcialmente coberto por manilhas. A parte descoberta é protegida por pequeno muro gabião

A TOCA (Literária)

A TOCA (Literária)

Chico Coelho recebia muitas visitas. Dessas idas e vindas à casa do Chico Coelho surgiu o nome "Toca"

O nome Ponta da Fruta

O nome Ponta da Fruta

O bairro de Ponta da Fruta, que fica a 30 minutos do Centro de Vila Velha e 20 minutos de Guarapari e seu acesso é feito pela Rodovia do Sol. A ocupação do lugarejo se iniciou com os  pescadores, que por volta de 1900 construíram no local suas casinhas de estuque e palha