Morro do Moreno: Desde 1535
Site: Divulgando há 16 anos Cultura e História Capixaba

O Espírito Santo no Romance Brasileiro

O Espírito Santo no Romance Brasileiro

A obra de Graça Aranha, escrita no Espírito Santo, foi o primeiro impulso do atual movimento literário brasileiro

Casas para morar e para rezar na era Vasco

Casas para morar e para rezar na era Vasco

Portugueses, portanto filhos fervorosos da Igreja de Cristo, dedicaram a capela a Nossa Senhora do Rosário

Em retribuição a Duarte de Lemos, uma ilha

Em retribuição a Duarte de Lemos, uma ilha

Rocha Pombo acredita que Duarte de Lemos tenha chegado ao Espírito Santo em 1536, ou, quando muito, em princípios do ano seguinte

Viajantes Estrangeiros ao ES – Jean-Jacques de Tschudi

Viajantes Estrangeiros ao ES – Jean-Jacques de Tschudi

"No dia seguinte, a comitiva regressou a Vitória, onde o presidente Sousa Carvalho já havia providenciado uma canoa grande e cinco remadores, escravos, para subirem o curso caudaloso do rio Santa Maria, até a colônia de Santa Leopoldina"...

A Vila de Alenquer e a História do ES - Por João Eurípedes Franklin Leal

A Vila de Alenquer e a História do ES - Por João Eurípedes Franklin Leal

O nome, Espírito Santo, para a capitania, está estabelecido devido a chegada de Vasco Coutinho num domingo de Pentecoste, 23 de maio de 1535, dia da festa cristã do Divino Espírito Santo, entretanto... 

Viajantes Estrangeiros ao ES – Princesa Teresa da Baviera

Viajantes Estrangeiros ao ES – Princesa Teresa da Baviera

Uma das viagens menos comentadas à Província do Espírito Santo, foi a da Princesa Teresa Carlota, terceira filha de Augusta, Princesa de Toscana e do Príncipe Luitpolt, herdeiro da coroa do reino da Baviera

Jesuítas no Espírito Santo

Jesuítas no Espírito Santo

Em 1549 partiram da Bahia – escalaram no porto da “povoação do Espírito Santo” Leonardo Nunes e Diogo Jácome

Viajantes Estrangeiros ao ES – Auguste François Biard

Viajantes Estrangeiros ao ES – Auguste François Biard

Na relação dos principais viajantes estrangeiros ilustres que estiveram em nosso país, no segundo meado do século dezenove, sem muito destaque, inclui-se o nome do pintor francês — Auguste François Biard

Viagens à Capitania do ES (Cap. I) - Por Bruno César Nascimento

Viagens à Capitania do ES (Cap. I) - Por Bruno César Nascimento

Capítulo I - Brasil: entre o real e o imaginado

Introdução do livro Viagens à Capitania do ES

Introdução do livro Viagens à Capitania do ES

Expedições às terras capixabas feitas pelo príncipe Maximiliano de Wied-Neuwied, em “Viagem ao Brasil” (1820), e pelo botânico e naturalista Auguste de Saint-Hilaire, em viagem por aqui em 1818