Morro do Moreno: Desde 1535
Site: Divulgando há 16 anos Cultura e História Capixaba

Por quê o nome do viaduto é Caramuru?

Viaduto Caramuru - Vista de cima

O nome do viaduto, e da rua sob ele, foi dado em homenagem aos Caramurus, membros da Irmandade de São Benedito do Convento São Francisco, que foi extinta no início do século XX. O nome surgiu a partir de conflitos com os irmãos de outra irmandade do mesmo santo, situada na Igreja do Rosário, que receberam o nome de Peroás. (conheça essa história no link abaixo).

O Viaduto foi construído em 1925 com o objetivo de ligar as ruas Dom Fernando e Francisco Araújo e servir de passagem para o bonde, que então circulava pela Cidade Alta. O bonde, entretanto, nunca chegou a atravessar o viaduto, ou porque temiam que ele não aguentasse o peso ou porque o bonde não era capaz de fazer a curva que ligava as ruas ao viaduto.

Logo abaixo se encontra a Rua Caramuru, local histórico onde teria ocorrido uma batalha contra holandeses que tentaram invadir a ilha em 1640. Naquela época, a ladeira levava ao Cais São Francisco, utilizado pelos freis do Convento São Francisco.

 

 

Fonte: Roteiro Histórico IV, PMV - Administração: Prefeito João Carlos Coser, outubro/2007
Compilação: Walter de Aguiar Filho,maio/2011

 

 

LINK RELACIONADO:

>> A Igreja e o Convento de São Francisco

>> O Convento de São Francisco



GALERIA:

📷
📷


Bairros e Ruas

Rua Santa Clara

Rua Santa Clara

No governo de Nestor Gomes construiu-se, ali, um palacete, para residência presidencial, a que chamaram "Palácio das Águias", visto que, no alto de sua frontaria, via-se, esculpida, uma grande águia, de asas abertas

Pesquisa

Facebook

Leia Mais

Praça D. Luiz Scortegagna (ex-largo da Matriz) – Por Elmo Elton

O largo da Matriz não tinha calçamento, era de chão batido. Desaparecidas as ruas 2 de Dezembro e Domingos Martins, a área, antes exígua, se ampliou 

Ver Artigo
Primeiros moradores do Farol de Santa Luzia

Os primeiros moradores da região do Farol de Santa Luzia, na Praia da Costa, Vila Velha, foram...

Ver Artigo
Rua Dois de Dezembro (ex-rua do Beco) – Por Elmo Elton

Tinha começo em frente à Loja Maçônica Ordem e Progresso, onde se construíra um chafariz, e terminava no largo da Matriz, quase paralela à José Marcelino

Ver Artigo
Rua Cristóvão Colombo (desaparecida) – Por Elmo Elton

Da antiga Cristóvão Colombo resta um trechinho de nada, ao lado da Barão de Monjardim, sendo que uma escadaria, ao término da extinta rua, tem, agora, o nome do descobridor. A escadaria, estreita, em rampa íngreme, dá subida para o morro do Vigia

Ver Artigo
Movimento que desenha a cidade – Jardim da Penha

Desse modo, são menos comuns os movimentos urbanos que refletem sobre a qualidade da paisagem urbana, o desenho, o volume das construções

Ver Artigo